António, de quem é ?

António de quem é? Ilustração de Luca Salvagno

António não é só “de Lisboa” ou “de Pádua”.Com certeza, é natural de Lisboa,tomou o nome de António em Coimbrae foi “adotado” pela cidade de Pádua.Mas é de todos aqueles …

Ler mais

Quem toca, fica tocado

Santo António - Quem toca fica tocado

Ilustração de Luca Salvagno António, cujo túmulo agora todos “tocam”,foi o primeiro a tocar o coração de homens e mulheres.Um toque abençoado, o dele,que desencadeou curas no corpo e no …

Ler mais

Aos quatro ventos

Santo António aos quatro ventos. Ilustração de Luca Salvagno.

Ilustração: Luca Salvagno António viveu em perene disponibilidade para ir onde Deus lhe indicava. António provinha do Sul e por lá tinha andado, quando, ao sair da sua terra natal, …

Ler mais

Dinheiro no bolso

Ilustração de Luca Salvagno. Santo António e a usura.

A fraternidade franciscana não prevê nem excluídos, nem rejeitados, mas apenas sobriedade, simplicidade, solidariedade, partilha e justiça, para que todos possam participar na grande festa da vida. António sabia-o bem…

Estou? Quem fala?

Santo António em MontePaolo, Ilustração de Luca Salvagno

Nesta altura da história, as coisas já não são tão claras e óbvias. A Palavra de Deus que António tinha aprendido a compreender nas ricas bibliotecas dos mosteiros portugueses, será ainda a mesma, aqui e agora?

As palavras do silêncio

As palavras do silêncio. Ilustração: Luca Salvagno

O silêncio e a solidão geram a possibilidade de acolher e ouvir, permanecendo sem palavras diante do mistério do outro, criando um espaço e um tempo de plenitude, propícios para esperar com confiança pela palavra que nos “contém” e garantir que as relações não nos enredam num atordoamento vazio.

Gente das periferias

Luca Salvagno, Gente das Periferias

Santo António nasceu no “centro” da cidade, de família nobre, pertenceu a uma ordem religiosa de renome, com abadias ricas e uma vida invejável. Mas, ao tornar-se franciscano, muda-se literalmente para as periferias.

Um passeio no bosque

Um passeio no bosque, ilustração de Luca Salvagno

De António e Francisco aprendemos que a criação é uma metáfora da recomposição, da reunificação e da fraternidade. Contemplemos mais uma etapa da viagem de António para Pádua, passando pela …

Ler mais

É comigo, também!

A escuta profunda e atenta de Deus é a premissa para a indignação e só a indignação que brota dessa escuta é evangelicamente capaz de desmascarar o “bezerro de ouro” de cada circunstância. Ilustração: Luca Salvagno.

A escuta profunda e atenta de Deus é a premissa para a indignação e só a indignação que brota dessa escuta é evangelicamente capaz de desmascarar o “bezerro de ouro” de cada circunstância. Ilustração: Luca Salvagno.

De novo a caminho

António acolhido na costa da Sicília, ilustração de Luca Salvagno

António fez-se tudo para todos.

%d blogueiros gostam disto: