Sou pobre e estive a mendigar com os sem abrigo

Há dias recebemos de um assinante dos Estados Unidos uma carta, escrita à mão, numa letra difícil e que reproduzimos em parte. Ele tinha recebido uma carta nossa a lembrar a assinatura em atraso e que o último pagamento tinha sido de apenas 20 dólares, quando deveria ter sido de 50.

Primeiramente eu vos saúdo, com votos de boa saúde. Quanto a mim estou bem, graças a Deus.
Peço-vos imensa desculpa do atraso do pagamento da minha assinatura. E também agradeço-vos pelo calendário, o qual apreciei imenso. Pois eu tenho dificuldades financeiras. Sou pobre e estive algum tempo a mendigar com os sem abrigo, fora na rua. É este o motivo de não vos ter respondido. Agradeço por vossa compreensão. Eu gostaria de vos ajudar mais, mas atualmente estou desempregado. Obrigado por tudo.
Sem mais termino. Fico rezando por vós e por vossa missão. Peço-vos que rezem por mim. Até sempre.
PS – Divulguem esta revista com outros emigrantes. Todos apreciam a sua leitura.

Santo António

Palavras como estas ajudam-nos a prosseguir nossa missão e, neste dia de Santo António, ousamos pedir o vosso contributo, para que possamos continuar a enviar a revista a tantas pessoas e instituições que por diversos motivos não conseguem pagar a assinatura.


             Assinar a revista Mensageiro de Santo António

Valorizamos a opinião dos nossos leitores...

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: