Santo António na lotaria nacional

A iconografia de Santo António é utilizada nos mais variados contextos, seja com carácter mais religioso, em pagelas e orações, de onde se destaca o tradicional responso a Santo António para encontrar objetos perdidos, seja também numa vertente mais profana, onde a imagem de Santo António é utilizada para dar credibilidade aos produtos que se pretendem promover.

Daí que, com o desenvolvimento da publicidade no início do século XX, seja comum encontrar a imagem de Santo António em rótulos de garrafas de vinho do porto, embalagens de pão-de-ló e outra pastelaria, de farinhas, de rebuçados, de pomadas ou mesmo de cigarrilhas, reflexo de uma popularidade crescente.

Também com a institucionalização da lotaria nacional, que, a partir de 1893, passa definitivamente a ser monopólio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, a imagem de Santo António ficará associada a uma das duas lotarias extraordinárias que se realizavam durante o ano. É de notar que estamos próximos das grandiosas comemorações antonianas de 1895, que serão um marco fundamental na afirmação do culto antoniano.

Neste fim de século, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa vai estabelecer a realização de pelo menos 3 lotarias ordinárias por mês e apenas duas lotarias extraordinárias anuais: a primeira por altura das festas de Santo António e a outra pela festa de Nossa Senhora da Conceição (8 de dezembro), que resvalará depois para o período de Natal (concorrendo com a popular lotaria espanhola “El gordo”).

E, desde essa época, as cautelas da lotaria extraordinária de junho utilizam a imagem icónica de Santo António, por vezes relacionada com seus milagres mais conhecidos ou com as festas populares, aludindo sempre a elementos iconográficos facilmente identificáveis por toda a população.

Bilhete da lotaria de Santo António de 1943. MA.ESP.DOC.0108
Bilhete da lotaria de Santo António de 1943. MA.ESP.DOC.0108
Bilhete da lotaria de Santo António de 1949, MA.ESP.DOC.0108
Bilhete da lotaria de Santo António de 1949, MA.ESP.DOC.0108
Mensageiro de Santo António
%d bloggers like this: