fbpx

Senhor, que queres que eu faça?

O percurso “para se tornar frade” é longo e articulado, como é necessário que seja, pois trata-se duma escolha para a vida, desafiante, bela, mas não isenta de dificuldades, como todas as escolhas.
Entre as etapas iniciais, depois de ter frequentado o Grupo Vocacional, que em Portugal é o grupo São Damião, existe o Postulantado. São dois anos em que se vive lado a lado com os frades experimentando de perto a vida franciscana para chegar assim a uma decisão vocacional mais esclarecida e convicta.

Os Postulantes de Brescia

Postulantes na comunidade de Brescia, Itália, ano de 2017/2018. O Diogo, de Portugal é o quarto da esquerda para a direita.
Postulantes na comunidade de Brescia, Itália, ano de 2017/2018. O Diogo, de Portugal é o quarto da esquerda para a direita.

O nosso Postulantado é em Itália, em Brescia, uma cidade do norte. Cada ano, em setembro, recomeça o caminho dos jovens Postulantes junto da Comunidade Franciscana de Brescia. Nesta comunidade vivem doze frades, num antigo convento, anexo à esplendida igreja dedicada a S. Francisco.

Para alguns é o segundo ano de experiencia, enquanto para outros, concluído o caminho de discernimento no Grupo S. Damião, se trata do emocionante primeiro ingresso. Ali experimentam a alegria de ouvir e entender o chamamento e o convite do Senhor para O seguirem.

Apresento-vos os jovens postulantes que vivem na comunidade de Brescia, convidando-vos a rezar por cada um deles:

  • Alberto, 24 anos,proveniente de Varese, Itália, engenheiro;
  • Luca, 25 anos, proveniente de Vicenza, Itália, formado em Letras Modernas;
  • Matteo, 33 anos, proveniente de Brescia, Itália, empregado de armazém;
  • Naim, 33 anos, Beirut, Líbano, engenheiro elétrico.

Por sua vez os postulantes que estão a fazer o “primeiro ano” são:

  • Diogo, 21 anos, Porto, Portugal, estudante de Ciências Politicas;
  • Federico, 34 anos, San Mauro Pascoli, Rimini, Itália, cozinheiro;
  • Francesco, 35 anos, Lecce, Itália, marinheiro – Marinha Militar;
  • Marco, 29 anos, Parma, Itália, professor de Filosofia e História;
  • Roby, 27 anos, Castrocaro Terme FC, Itália, técnico de hotelaria.

Tempo de graça e discernimento

Postulantes na comunidade de Brescia, Itália, ano de 2017/2018. Ao centro o Diogo, de Portugal.
Postulantes na comunidade de Brescia, Itália, ano de 2017/2018. Ao centro o Diogo, de Portugal.

O biénio de Postulantado é um tempo de graça e discernimento para aprofundar e clarificar o chamamento e a vocação franciscana, antes do grande salto para o Noviciado.

Neste caminho, provocante e de amadurecimento, há antes de mais a convivência quotidiana entre os postulantes e os formadores, assim como a relação próxima e contínua com a comunidade dos frades, vivida entre entusiasmos, diálogos e partilhas. Mas também entre confrontos, desilusões, reinícios e equilíbrios sempre a reencontrar e construir.

Esta é aliás, a vida e a história de cada Fraternidade Franciscana onde a humanidade e a especificidade de cada um não é negada. No entanto, juntos, por mais diversos que sejamos (por temperamento, idade, proveniência…) procuramos sempre caminhar seguindo o Senhor Jesus, crescendo no amor fraterno, vivendo e testemunhando a Alegria do Evangelho.

Tempo para saborear a vida franciscana em comunidade e em saída

Os dias são intensos e articulados, ritmados pela oração (Laudes, Hora Intermédia, Vésperas, Completas, Terço e Missa) e por uma envolvente proposta espiritual e formativa (Catequese e Formação, Lectio Divina, Adoração Eucarística e meditação quotidiana do Evangelho).

Além dos compromissos comunitários, a cada um são confiadas tarefas diversas que vão dos vários serviços no convento (limpezas, cuidado da casa e acolhimento) a serviços externos de voluntariado nos vários centros e obras caritativas e assistenciais em que é rica a cidade de Brescia (deficientes, idosos, doentes terminais, cozinha dos pobres, etc.).

Não menos importante e significativo é o serviço litúrgico desenvolvido na bela e muito frequentada igreja de São Francisco.

Os educadores e guias espirituais proporcionam a cada Postulante um acompanhamento personalizado indispensável para o caminho de discernimento.

O Postulantado apresenta-se para cada jovem como uma etapa de crescimento humano e espiritual, de conversão e discernimento, de conhecimento e de experimentação.

É o tempo para saborear a vida franciscana, partilhando em comunidade as alegrias e as dificuldades, as esperanças e as limitações, em vista da descoberta da própria vocação.

%d bloggers like this: