Amoris Laetitia

No dia dos namorados, em quarta feira de cinzas, que nos lembra que somos feitos de pó da terra, mas pó que veio das estrelas e foi moldado pelo sopro misericordioso de Deus, vale a pena olhar para o texto integral da exortação apostólica Amoris Laetitia (A Alegria do Amor), do  Papa Francisco, sobretudo os seus capítulos 4 e 5.

Juan Ambrosio, nosso colaborador assíduo, em entrevista à Agencia Ecclesia, apresenta-a como um documento apaixonante que nos desafia a mudar a nossa forma de pensar e de abordar a realidade.

Entrevista com o nosso colaborador Juan Ambrosio

Texto integral em PDF

Aqui deixamos também o texto completo para quem não se contenta apenas com os bolinhos dos fazedores de opinião, mas prefere mastigar e saborear o pão integral.

[pdf-embedder url=”https://santoantonio.live/wp-content/uploads/2018/01/papa-francesco_esortazione-ap_20160319_amoris-laetitia_po_web.pdf”]

 

Tertúlia “A Alegria do Amor” – P. Carlos Carneiro (na íntegra)

E para completar uma tertúlia na arquidiocese de Braga em que o Pe. Carlos Carneiro fala de forma mais extensiva sobre a Amoris Laetitia.

Num país dito católico, onde um grande número de famílias, senão a maioria, são famílias de recasados, a Igreja em Portugal experimenta a urgência de se tornar um espaço onde todas as famílias e todos os tipos de família possam encontrar o seu lugar.

%d bloggers like this: